Abiove destaca importância da agregação de valor no complexo soja

111

Gerente de economia da entidade fez palestra em workshop do CTBE sobre o RenovaBio

A Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) participou hoje de workshop sobre o Programa RenovaBio, promovido pelo Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE), em Campinas (SP). O gerente de economia da Abiove, Daniel Furlan Amaral, fez palestra sobre a cadeia produtiva da soja e do biodiesel. Ele apresentou os principais números e características do setor e destacou a necessidade de agregação de valor no complexo soja, para a geração de
empregos e renda.

A Abiove reúne empresas do setor de biodiesel. Esse biocombustível, cuja principal matéria-prima é a soja, gera efeitos econômicos, sociais e ambientais, e contribui para o cumprimento de metas de descarbonização, núcleo da proposta de regulação do RenovaBio. Esse programa, que está entre as prioridades na agenda do governo e do setor privado, tem como objetivo promover ganhos de eficiência energética na produção e no uso de biocombustíveis.

O RenovaBio é uma iniciativa alinhada com as metas da NDC (Contribuição Nacionalmente Determinada) do Brasil e construída em articulação com o setor privado e a sociedade civil. Trata-se de política que vai ao encontro da noção sempre defendida pelo Brasil de que o Acordo sobre o Clima oferece oportunidades para a promoção do desenvolvimento sustentável, com estabilidade, previsibilidade, criação de empregos e cuidados com o meio ambiente, fazendo uso das vantagens comparativas do País para a atração de investimentos e a geração de riqueza, numa perspectiva de fomento a uma economia de baixas emissões no longo prazo.

Sobre o biodiesel, o gerente de economia da Abiove disse que o Selo Combustível Social (SCS) deve ser valorizado no contexto do Programa Nacional de Produção de Biodiesel (PNPB).

Amaral também destacou que o biodiesel tem crescido com base em um modelo que comercializa o produto por meio de leilões, modalidade que traz transparência e segurança.

Fonte: Abiove

Texto originalmente publicado em:
Abiove
Autor: Assessoria de Comunicação Abiove

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA