Aprosoja solicita prorrogação da data limite de semeadura de soja no Mato Grosso

203

Pedido foi feito ontem à Sedec e propõe que o novo prazo passe para 31 de janeiro de 2016.

A Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) solicitou formalmente ontem (17) à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) que a data limite da semeadura de soja seja prorrogada em 30 dias. O pedido visa dar condições legais para os agricultores que não tiverem conseguido concluir o plantio devido à estiagem.

A limitação na data do plantio de soja em Mato Grosso é definida pela Instrução Normativa Conjunta SEDEC/INDEA-MT Nº 002/2.015, que fixa a data de 31 de dezembro como o prazo final para a semeadura. A solicitação da Aprosoja é que o plantio seja extraordinariamente permitido para até 31 de janeiro de 2016.

“Estamos passando por condições climáticas extraordinárias neste ano. Estimamos que o índice de replantio em Mato Grosso seja em torno de 8%, e muitos produtores ainda não concluíram a semeadura”, pontua o presidente da Aprosoja, Endrigo Dalcin. Alguns municípios produtores de soja já somam mais de 30 dias sem chuvas, o que compromete o desenvolvimento das lavouras.

ESTADO DE ALERTA – Representantes da Aprosoja estiveram também ontem (17) na Vice-Governadoria do Estado de Mato Grosso em uma reunião com a Defesa Civil. O objetivo foi receber orientações sobre como proceder para contribuir com as prefeituras de municípios que estão passando por seca para avaliar os impactos climáticos sobre as lavouras.

“Há uma série de procedimentos técnicos a serem cumpridos e com os quais os produtores podem ajudar. Agora, vamos orientar a nossa base para coletar esses dados e repassá-los para os municípios em situação grave”, explicou o presidente Endrigo Dalcin.

Fonte: Ascom Aprosoja

housingnorth miami houses for rentbinary option 2013алименты в украине размерпродвижению сайта

Texto originalmente publicado em:
Aprosoja Mato Grosso
Autor: Ascom Aprosoja

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA