Neutralidade climática não deve trazer problemas aos produtores paranaenses, enquanto demanda chinesa pode sustentar preços, segundo analistas

A safra de verão 2018/19 traz boas perspectivas aos produtores rurais paranaenses. Na previsão do tempo, o radar aponta para um cenário de neutralidade climática na maior parte dos meses decisivos.

Essa condição costuma ser suficiente para garantir um bom desenvolvimento às culturas. Enquanto isso, no mercado, a guerra comercial entre Estados Unidos e China garante uma demanda elevada da produção agrícola brasileira.

Claro que nada é certo e a situação ainda pode mudar, por conta de inúmeras variáveis que definem os preços. Mas, ao que tudo indica, os ventos deverão ser favoráveis ao Paraná, para uma boa safra no ciclo atual.


Quer informações melhores para o começo de sua safra? Assista gratuitamente as palestras do Consoja.


O meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) Luiz Renato Lazinski lembra que, após meses de chuvas abaixo da média, no fim de agosto e no início de setembro ocorreram algumas precipitações, ainda de forma irregular. “Observamos que na última safra tivemos a influência do fenômeno climático La Niña, que foi embora.

Agora, estamos em uma situação de neutralidade climática. Isso causa chuvas bastante irregulares, como temos constatado. Chove bem em um lugar, no outro nem tanto. Foi o que aconteceu na passagem da última frente fria pelo Paraná”, descreve.

Para Lazinski, esse panorama deve seguir nos próximos meses. O profissional comenta que setembro deve ter um período de até duas semanas sem chuva, mas que no fim do mês deve haver a passagem de uma frente fria com mais força para provocar precipitações significativas.

“Mais para o fim do mês de setembro estamos prevendo uma chuva que favorece o início do plantio dessa nossa safra de verão. Depois disso, em outubro, normalmente é um mês que chove bem no Paraná. Mesmo que chova abaixo da média, vamos ter alguma chuva”, prevê.

Fonte: Sistema FAEP

Leia matéria completa em: Boletim informativo

Texto originalmente publicado em:
Sistema FAEP
Autor: FAEP

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.