Eficácia de clorotalonil aplicado isoladamente e em associação com fungicidas – Safra 16/17

Objetivou-se avaliar eficiência de fungicidas associados a protetores para o controle da ferrugem na safra 2016/2017

Autores:     L.F. MARCHIORO1 ;M. GOUSSAIN2, R.C SANTOS1;BEZERA. H.D²; BERALDO. J¹; ROCHA. C¹; JUNIOR. C.F.J²; FERREIRA. F. L²; LOPES.J.C³

Trabalho disponível nos Anais do Evento e publicado com o consentimento dos autores.

Resumo

A ferrugem da soja P. pachyrhizi é a principal doença da cultura da soja, podendo reduzir em até 80% a produção. Nesse trabalho, objetivou-se avaliar eficiência de fungicidas associados a protetores para o controle da ferrugem na safra 2016/2017 aplicado preventivamente . A variedade utilizada foi a M 8372 IPRO semeada dia 19/11/2017.

O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso com 12 tratamentos e 4 repetições.

Os tratamentos consistiram:

1) Testemunha (sem aplicação);

2) Chlorothalonil 1080gr/L (1,5 L/ha);

3) Mancozeb 1125g/L (1,5 Kg/ha);

4) Azoxistrobina 60gr/L+Tebuconazol 120gr/L (0,5L/ha);

5) Azoxistrobina 60gr/L+ Tebuconazol 120gr/L (0,5 L/ha)+Chlorothalonil 1080gr/L (1,5 L/ha);

6) Azoxistrobina 60gr/L + Tebuconazol 120gr/L (0,5 L/ha)+Mancozeb 1125g/L (1,5 Kg/ha);

7) Fluxapiroxade 58gr/L + Piraclostrobina 117gr/L (0,35 L/ha);

8) Fluxapiroxade 58gr/L+ Piraclostrobina 117gr/L ( 0,35 L/ha) + Chlorothalonil 1080gr/L (1,5 L/ha);

9) Fluxapiroxade 58gr/L+ Piraclostrobina 117gr/L (0,35 L/ha)+Mancozeb 1125g/L (1,5 Kg/ha);

10) Prothioconazole 70gr/L +Trifloxistrobina 60 gr/L (0,4 L/ha);

11) Prothioconazole 70gr/L +Trifloxistrobina 60 gr/L (0,4 L/ha)+Chlorothalonil 1080gr/L (1,5 L/ha);

12) Prothioconazole 70gr/L +Trifloxistrobina 60 gr/L ( 0,4 L/ha)+ Mancozeb 1125g/L (1,5 Kg/ha).

Foram realizadas 5 aplicações nos tratamentos 2 a T4 com intervalo de 10 dias, e 4 aplicações nos T5 a T12 com intervalo de 14 dias nos estádios Vn, R1, R2, R3, R4, R5.1 e R5.2. Foi avaliada a severidade da doença e produtividade. As médias foram comparadas pelo teste Scott & Knott a 5% de probabilidade.

O melhor controle da doença foi obtido com Chlorothalonil 1080gr/L na dose de 1,5L/ha, seguido do Tratamento 11, Tratamento 8, Tratamento 12 e o Tratamento 5; o Tratamento 6,Tratamento 9 e Tratamento 10 foram semelhantes entre si e diferiram dos Tratamentos 7,Tratamento 3 e Tratamento 4 que mostraram melhor desempenho que a Testemunha.

Palavra chave: Phakopsora pachyrhizi; Protetores; Fungicida; Preventivo.

Informações dos autores:

1IFMT-CAMPUS SÃO VICENTE – Núcleo Avançado de Campo Verde – MT;

2 ASSIST Consultoria e Experimentação Agronômica;

³ HELM DO BRASIL.

Disponível em: Anais do 50º Congresso Brasileiro de Fitopatologia, Uberlândia – MG, Brasil.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.