A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) informa que o Governo do Estado prorrogou o período de restrição do uso de fogo para limpeza e manejo de áreas até o dia 1º de outubro.

O Decreto 1.667 que prevê a prorrogação foi publicada no Diário Oficial do dia 17 de setembro deste ano. O período de restrição começou no dia 15 de julho e terminaria no sábado (15).

A analista de Meio Ambiente da Famato, Laura Rutz orienta os produtores a ficarem atentos ao novo prazo e tomar medidas necessárias para prevenir os incêndios florestais. “A restrição às queimadas é preventiva e tem o objetivo de diminuir os riscos provocados pelo fogo nesta época do ano, quando o forte calor e a baixa umidade relativa do ar aumentam as ameaças de incêndios de grandes proporções”, orienta.


Participe e submeta seu trabalho. Mais informações:


Laura explica que as condições climáticas se encontram favoráveis às ocorrências de queimadas e incêndios florestais, portanto é necessário estarem todos atentos. “Por isso a importância dos produtores rurais tomarem medidas preventivas como a construção de aceiros, açudes e cortinas de segurança, para impedir a ocorrência de incêndios”, orienta.

As penalidades para quem desrespeitar a norma são multas que variam de R$ 1 mil a R$ 7,5 mil por hectare e possível embargo da área.

Fonte: Ascom Famato

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.