Confira a previsão de chuva para o Brasil e dicas para produtores se programarem nesta semana.


Rio Grande do Sul

  • ALERTA (01/10): novas áreas de instabilidade irão provocar chuvas, podendo ocorrer temporais com vendaval.
  • Terça: Ainda haverá a presença de chuva em todas as regiões, mais concentradas ao sul do estado.
  • Quarta: A frente fria começa a se afastar do estado, fazendo o tempo abrir a partir da fronteira com o Uruguai. Nas regiões ao norte do estado ainda poderá ocorrer chuva, continuando esta condição para quinta-feira, onde haverá a melhora do tempo no decorrer do dia.
  • Sexta: Com o afastamento da frente fria, haverá o predomínio de sol em todo o estado, com temperatura abaixo de 10 graus ao amanhecer.


A condição de alta precipitação da ultima semana fez com que rios transbordassem na metade sul do estado. Mesmo com a alta umidade dos últimos dias, houve avanço da semeadura de milho, segundo a Emater-RS/ASCAR já foram semeados 42% da área total. No mês de outubro inicia um período importante, pois aquelas lavouras de milho semeadas neste mês florescerão em janeiro, período que pode ocorrer deficiência hídrica no estado. Em função disso, segundo o Zoneamento Agrícola de Risco Climático (ZARC), aqueles locais que apresentam solos mais rasos e de textura arenosa e que, por isso, armazenam pouca água, é importante que a semeadura seja repensada durante o mês de outubro se não tiver irrigação. Para o arroz, segundo a Emater-RS/ASCAR, a chuva prejudicou bastante a cultura, mas este mês de outubro ainda é adequado para construir altas produtividades. A partir do dia 03/10 ocorrerá uma nova janela, os agricultores devem se preparar para retomar a semeadura. Para a cultura da soja, para construir alta produtividades, os produtores devem fazer as semeaduras de cultivares apropriadas de soja neste mês de outubro, portanto a revisão das semeadoras deve estar em dia para aproveitar as condições de tempo e umidade do solo apropriado. Quanto ao trigo, devido a temperaturas mais altas combinado com a alta umidade, os produtores devem atentar para o controle de doenças na fase de enchimento de grãos.

Paraná

  • Terça, Quarta e Quinta: Continua a condição de tempo nublado com chuva em várias regiões do estado.
  • Sexta: Haverá o predomínio de tempo seco e temperaturas amenas ao amanhecer.

Segundo o Departamento de Economia Rural (Deral), 18% da área total de soja foi semeada, estando 72% em germinação e 28% em desenvolvimento vegetativo, apresentando boas condições. Quanto ao milho, mais da metade das áreas foram semeadas apresentando ótimas condições de desenvolvimento. Ainda segundo Deral, 20% das lavouras de trigo já foram colhidas. A janela de tempo seco a partir de sexta irá beneficiar o avanço da colheita.

Mato Grosso

  • A semana será de condição de pancadas de chuva no decorrer do dia, podendo ser intensas, isoladas e de curta duração.

Segundo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea), após o vazio sanitário, já iniciou o período de semeadura da soja, tendo 4% da área semeada até o momento. Os produtores devem estar em dia com a revisão das semeadoras para iniciar a semeadura assim que a umidade do solo estiver apropriada


Esta é mais uma análise meteorológica da parceria Mais Soja + SimulArroz, as análises são semanais, aguarde e confira, toda segunda e quinta.

Acesse o facebook da Equipe SimulArroz, aqui.

Por: Stefanía Dalmolin da Silva é a meteorologista da Equipe SimulArroz, especialista em Agrometeorologia pela UFSM.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.