á é possível encontrar no site do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) o boletim “Arroz Irrigado: Recomendações Técnicas da Pesquisa para o Sul do Brasil”, produzido pela Comissão Técnica do Arroz Irrigado, da Sociedade Sul-Brasileira de Arroz Irrigado (Sosbai). O material está disponível para download.

O documento foi elaborado após a 32ª Reunião Técnica da Cultura do Arroz Irrigado, realizada em Farroupilha (RS), de 8 a 10 de agosto deste ano, e organizada pelo Irga. As recomendações técnicas para o arroz irrigado terão validade para as safras 2018/19 e 2019/20, com distribuição gratuita para orizicultores, extensionistas rurais, técnicos de cooperativas e de empresas privadas, pesquisadores, professores, estudantes e demais interessados na cultura. A publicação teve sua primeira edição em 1991 e vem sendo atualizada periodicamente.

 “O boletim ‘Recomendações Técnicas da Pesquisa para o Sul do Brasil – 2018’ é o resultado final do evento realizado em agosto, em Farroupilha, com o propósito de divulgar tecnologias de produção, industrialização e comercialização de arroz irrigado no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. É uma das melhores publicações técnicas, atualizada a cada dois anos e validada pelas comissões técnicas do arroz irrigado, formadas pelas principais instituições de pesquisa do RS, SC e GO”, acrescenta o engenheiro agrônomo do Irga Fernando Fumagalli Miranda, tesoureiro da gestão 2016/2018 da Sosbai.

A Sociedade Sul-Brasileira de Arroz Irrigado foi criada em 1998, a partir da sugestão de alguns pesquisadores durante os debates da 22ª Reunião da Cultura do Arroz Irrigado, realizada em 1997, no Balneário Camboriú (SC). O objetivo da entidade é congregar pesquisadores, técnicos e demais interessados para o desenvolvimento do arroz irrigado. O atual presidente é Klaus Konrad Scheuermann, da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri).

O boletim “Arroz Irrigado: Recomendações Técnicas da Pesquisa para o Sul do Brasil” pode ser acessado aqui.

Fonte: Irga

Texto originalmente publicado em:
Irga
Autor: Irga

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.