Plantio do milho 2ª safra encerra e indica nova estimativa de produção em MS

Informações divulgadas nesta quarta-feira (20) pela Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul), com base em dados levantados em campo pelos técnicos do Siga MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio), indicam mudanças nas estimativas iniciais para a 2ª safra de milho 2015/2016.

Até o penúltimo levantamento realizado pelo Siga MS, a estimativa de produção no Estado era de 9,5 milhões de toneladas de milho. No entanto, com a conclusão do plantio dessa cultura no último dia 15, os números atualizados indicam uma projeção de produção de 8,5 milhões de toneladas com produtividade média de 82 sc/ha. Antes, esperava-se produtividade média de 88,3 sc/ha.

Chuvas

De acordo com o presidente da Aprosoja/MS, Christiano Bortolotto, a redução na estimativa se deve às condições climáticas registradas do plantio até este momento. “Esse é um reflexo do excesso de chuvas na colheita de soja, o que impactou o plantio do milho. Agora, conforme os últimos levantamentos, além do atraso no plantio desse grão, tivemos áreas que nem sequer foram plantadas e algumas que, logo após plantadas, sofreram inundações”, explica.

“Adiciona-se a esse cenário, nos últimos 30 dias, a ocorrência de chuvas isoladas causando ausência de precipitações em várias áreas. Tudo isso compromete a produtividade do milho”, completa.

Bortolotto ainda explica como as condições climáticas influenciam nos resultados. “A 2ª safra do ciclo passado (2014/2015) foi excepcional, perfeita em relação ao clima, o que gerou excelente resultado de produção. No entanto, essa 2ª safra (2015/2016) não está com condições climáticas tão favoráveis para esse período do ano. Agora, esperamos que as chuvas voltem para diminuir esse impacto negativo”, finaliza o presidente.

Redução de área

Ainda segundo a Aprosoja/MS, a mudança na previsão para o milho 2ª safra 2015/216 se deve a 59 mil hectares que não foram plantados. Até a semana passada havia projeção de plantio em área de 1,799 milhão de hectares, entretanto, esse número não se confirmou, consolidando-se área plantada de 1,740 milhão de hectares, o que resultou em acréscimo de apenas 0,6% na área total.

Apesar dessa ampliação de 0,6% na área plantada, a projeção é que, no comparativo com o ciclo anterior, haja redução de 7,13% na produtividade, o que leva a uma queda de 6,6% na produção total de milho nesta 2ª safra em Mato Grosso do Sul. As informações completas sobre o encerramento do plantio do milho constam na Circular Técnica n° 155, da Casa Rural.

Fonte: Aprosoja/MS,

Autor(a): Liana Feitosa – Telefone: 3320-6921 – E-mail: liana.feitosa@aprosojams.org.br

kl esscortкастрюли биолmansions in miami flраскрутка сайта в yandexправила укладки паркетной доски

Texto originalmente publicado em:
Aprosoja/MS
Autor: Liana Feitosa

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.