Vendas de agrotóxicos por estado em 2013

219

Em 2013, 135 empresas titulares de registro apresentaram ao Ibama relatórios semestrais de produtos técnicos, agrotóxicos e afins, de que trata o art. 41 do Decreto n° 4.074 de 2002.

Os relatórios semestrais abrangeram um total 372 ingredientes ativos (IA), dos quais 85 terão seus valores divulgados, por representarem as vendas de marcas comerciais cujos ingredientes ativos tenham no mínimo três empresas detentoras de registro, garantindo assim o sigilo comercial. Esses 85 ingredientes ativos correspondem a uma venda total de 445.863,40 toneladas no mercado interno, o que equivale a cerca de 90% do valor total das vendas de ingredientes ativos, que foi de 495.764,55 toneladas, no referido ano.

Os relatórios apontaram que as vendas de produtos formulados enquadrados como inseticidas foram bem significativas se comparadas aos anos anteriores. Em 2013, na classe de uso INSETICIDA a quantidade comercializada foi de 56.993,88 toneladas de IA, mostrando um aumento de 53% em relação as vendas de 2012 (37.206,81 ton. de IA).

Este crescimento pode estar relacionado a inúmeros fatores, que necessitam ser melhor analisados, como o aumento no controle de pragas em áreas agrícolas devido à resistência. Para exemplificar, em 2013, de acordo com o Ato nº 15, de 14/03/2013, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), publicado no DOU de 18/03/2013 (nº 52, Seção 1, pág. 31), foi concedida a autorização emergencial temporária para a produção, a distribuição e o uso de inseticidas específicos para combater a lagarta do gênero Helicoverpa, que vem causando sérios danos às culturas de soja, milho, algodão, entre outras.

Os relatórios recebidos em 2013 também apontaram que as vendas na região Sudeste tiveram uma queda de aproximadamente 8% em relação a 2012, passando de 122,7 mil toneladas (2012) para 112,9 mil toneladas de IA (2013). O Estado de São Paulo também sofreu uma redução de 10,7% nas vendas, e em contrapartida, o Estado do Mato Grosso, na região Centro-Oeste, teve um aumento significativo de 22,9% (vendas comparadas a 2012). Consequentemente em 2013, São Paulo foi para a segunda posição e Mato Grosso passou a ocupar a primeira posição no ranking dos Estados com as maiores vendas de produtos agrotóxicos no país (toneladas de IA).

Nos dados de produção, importação, exportação e vendas anuais não são publicados os valores de estoque inicial e estoque final.

Abaixo a listagem das vendas de agrotóxicos por estado em 2013: clique na imagem para visualização.

vendas de agrotoxicos por estado em 2013

Fonte: Ibama

Disponível em: http://www.ibama.gov.br/areas-tematicas-qa/relatorios-de-comercializacao-de-agrotoxicos/pagina-3car cover for snow and icebuy house miami beachпродвижение в yandexзакон об алиментах 2016forex No Deposit Bonus

Texto originalmente publicado em:
IBAMA
Autor:

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA