Depois de três meses em queda, pesquisas do Cepea apontam que os valores do algodão em pluma se estabilizaram no mercado spot brasileiro, devido à forte disparidade entre os pedidos de vendedores e as ofertas de compradores. Esse cenário, por sua vez, limita o ritmo de negócios e os poucos fechamentos envolvem volumes menores.

Parte da indústria consultada pelo Cepea demonstra interesse por novas aquisições, mas buscam pluma de qualidade. Do lado vendedor, os que ofertam lotes de boa qualidade estão firmes nos preços pedidos, enquanto outros que disponibilizam a pluma com características inferiores até cedem nos valores em alguns casos.

No geral, vendedores estão focados nas entregas de contratos. De 11 a 18 de setembro, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, ficou praticamente estável (+0,2%), fechando a R$ 3,1876/lp nessa terça-feira, 18. Cotonicultores, por sua vez, se voltam à colheita – que está na fase final – e ao beneficiamento da safra 2017/18. 


Inscreva-se no Consoja e não perca a oportunidade de adquirir e compartilhar conhecimentos!  Participe e submeta seu trabalho. Mais informações:


Fonte: Cepea 

Texto originalmente publicado em:
Cepea
Autor: Cepea

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.