Rio Grande do Sul

  A segunda-feira amanhece com a presença do sol em todo o estado. Esta condição permanece durante a terça-feira. A partir de quarta, o avanço de áreas de instabilidade trazem chuva para o estado e esta condição permanecerá até sexta-feira, podendo haver variação de nuvens e ocorrência de chuva fraca a moderada.

Já temos mais de 86% das lavouras de milho semeadas, onde 60% se encontram em desenvolvimento vegetativo, apresentando bom desenvolvimento e aquelas áreas semeadas no cedo estão iniciando o pendoamento. É iniciando esta fase, e principalmente, durante o enchimento de grãos, que a cultura do milho é mais sensível ao déficit hídrico.

  Na soja, a semeadura seguiu durante a semana, tendo mais de 68% semeado no estado. No estado maior produtor brasileiro de arroz, já foram semeados 89% do total das lavouras de arroz (IRGA-RS).

O atraso na semeadura é um dos fatores que mais causam perda de produtividade nas culturas de soja, arroz e milho. Durante esta semana, a perda de produtividade para o arroz é de 1 saco/ha/dia, para a soja a perda é de meio saco/ha/dia e no milho a perda é de 1 saco/ha/dia. Portanto, os produtores que ainda não terminaram a semeadura das três culturas, devem proceder o mais rápido possível.



Paraná

  Terça e quarta serão dias de tempo firme, com a presença do sol com variação de nuvens. A partir de quinta, haverá ocorrência de chuva no estado e esta condição permanece até sexta.

Já temos 95% da área total de soja semeada estando 8% em germinação, 75% em desenvolvimento vegetativo, 14% em floração e 3% em enchimento de grãos. É na fase de enchimento de grãos que a cultura da soja é mais sensível ao déficit hídrico.

O milho entra para fase final da semeadura, em que 99% das áreas foram semeadas apresentando ótimas condições de desenvolvimento (Departamento de Economia Rural – Deral).

Mato Grosso

  A semana inicia com chuva em todo o estado, podendo ocorrer chuva localmente forte.

De acordo com o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea), mais de 99% das áreas estimadas para a produção de soja já foram semeadas. Comparativamente, durante a safra 2017/18 apenas 90% da área estimada havia sido semeada até o momento


Esta é mais uma análise meteorológica da parceria Mais Soja + SimulArroz, as análises são semanais, aguarde e confira, toda segunda e quinta.

Acesse o facebook da Equipe SimulArroz, aqui.

Por: Stefanía Dalmolin da Silva é a meteorologista da Equipe SimulArroz, especialista em Agrometeorologia pela UFSM.

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.