Programa de Incentivo à Cultura do Algodão na Bahia é prorrogado até final de 2017

0
386

Foi publicado na última sexta-feira (15), no Diário Oficial do Estado, a prorrogação para 31 de dezembro de 2017, do Programa de Incentivo à Cultura do Algodão (PROALBA), um dos instrumentos de política agrícola do governo do Estado da Bahia, que concede incentivo de até 50% do ICMS devido sobre a comercialização do algodão no mercado interno, desde que o produtor atenda aos requisitos tecnológicos, fitossanitários e de qualidade estabelecidos pelo programa.

“O PROALBA tem sido um dos principais fatores para o aumento da competitividade do algodão da Bahia, promovendo considerável desenvolvimento econômico e social do estado. Os projetos desenvolvidos com recursos do programa têm trazido melhorias em diversas áreas do agronegócio, dentre elas, a promoção do algodão nos mercados nacional e internacional, ações de marketing, qualificação de mão de obra, logística, sustentabilidade e responsabilidade social”, disse o secretário da Agricultura, Vitor Bonfim.

Deste incentivo de 50% do ICMS, 10% são destinados ao Fundo para o Desenvolvimento do Agronegócio do Algodão – FUNDEAGRO, que promove a realização de pesquisas e difusão tecnológicas, ações de defesa fitossanitária e de marketing, com vistas à promoção da fibra baiana nos mercados dentro e fora do Brasil. “Produzimos aqui uma das fibras de melhor qualidade do mundo, temos um potencial enorme de crescimento em função desta qualidade e produtividade, gerando cada vez mais emprego e renda para a região”, ressaltou o secretário.

Algodão na Bahia

Segundo maior produtor de algodão do Brasil, a Bahia coloca à disposição dos investidores, vantagens que transformam o potencial da cotonicultura baiana em produção que se destaca.  A cultura ocupa 270 mil hectares da região oeste do Estado, principal polo produtor, que reúne todas as condições favoráveis ao cultivo com competitividade e alta qualidade. A região possui grande extensão de terras planas, o que facilita o cultivo e a colheita mecanizados; clima bem definido; luminosidade intensa, e boa infraestrutura de estrada e logística.

Fonte: Secretaria de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia. Assessoria de Comunicação.

ноутбуки описаниеenglish frenchgametrix jetpadминимальный размер алиментов в украинеluxury villas in miami

Texto originalmente publicado em:
Secretaria de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia.
Autor: Secretaria de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia.

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.