A primeira cultivar de soja com tolerância ao ataque de percevejos foi registrada pela Embrapa e estará disponível no mercado nas próximas safras.  O pesquisador Carlos Arrabal Arias, líder do programa de melhoramento genético de soja, explica mais sobre o assunto neste episódio do Dicas Mais Soja – Ciência em prática: é possível produzir Mais Soja?
Atualmente, os percevejos são uma das pragas mais importante para a cultura da soja porque interferem na qualidade  dos grãos e sementes. A nova cultivar, desenvolvida por meio de melhoramento genético tradicional, tem elevado o potencial produtivo e suporta o dobro do ataque de percevejos, sem reduzir o rendimento.
A resistência genética é um mecanismo interessante porque já vem embutido na semente e neste caso, por ser uma tecnologia convencional, em que não há cobrança de royalties, o preço também será acessível para o agricultor.
Esta variedade auxilia o produtor rural que precisa realizar o manejo integrado de pragas para proteger a lavoura. Apesar de não dispensar o uso de produtos químicos, o agricultor terá a disposição mais uma opção que contribuirá no controle da população de percevejos.
Quer saber mais? Para conferir o vídeo na íntegra clique aqui.

Quer saber isso e muito mais? Fique ligado no Dicas Mais Soja – Ciência em prática: é possível produzir Mais Soja? Curta nossa página no Facebook e não perca nenhum de nossos conteúdos!



Redação: Bruna Eduarda Meinen Feil, Assessora de Comunicação Equipe Mais Soja.

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.