InícioDestaqueComponentes primários e secundários da produtividade da soja

Componentes primários e secundários da produtividade da soja

A produtividade da soja é uma variável complexa, capaz de sofrer a influência direta ou indireta de diversos fatores ao longo do desenvolvimento da cultura, tais como disponibilidade hídrica, temperatura, luminosidade, nutrição, pragas doenças e plantas daninhas. Diferentemente do rendimento, o qual pode ser relacionado a diferentes variáveis, como por exemplo kg por planta, a produtividade obrigatoriamente precisa estar relacionada a área, como por exemplo, kg ha-1, t ha-1, kg por alqueire, etc.

Composição da produtividade

Para a maioria das culturas agrícolas, a produtividade é composta por diferentes componentes, sendo eles primários ou diretos, e secundários ou indiretos. Os componentes primários são aqueles que, quando alterados, afetam diretamente a produtividade da soja. Já os componentes secundários, são aqueles que quando alterados, afetam os componentes primários (Zanon et al., 2018).

Componentes primários ou diretos da soja

Segundo Zanon et al. (2018), por afetarem diretamente a produtividade da soja, os principais componentes de produtividade considerados primários são:

  • Número de plantas por área;
  • Número de legumes por planta;
  • Número de grãos por legumes;
  • Peso de grãos (normalmente expresso em peso de 1000 grãos).

Alterações nesses componentes afetam diretamente a produtividade da soja, seja pelo incremento dela, ou pela redução em casos de estresses.

Componentes secundários

Embora não expressem mudanças diretamente na produtividade da soja, sabe-se que por afetarem os componentes primários, os componentes secundários de produtividade fazem parte da formação dessa complexa variável. Dentre os principais componentes de produtividade secundários observados em soja, destacam-se:

  • Altura de plantas;
  • Número de nós.

    undefined


Definindo componentes de produtividade da soja

Os componentes de produtividade começam a ser definidos antes mesmo da semeadura. A genética, através da escolha da cultivar, pré-define o potencial dos componentes de produtividade (Zanon et al., 2018).

Após definida a cultivar, é preciso assegurar o bom estabelecimento do estande de plantas, garantindo um bom componente primário (número de plantas por área). Para isso, deve-se atentar para cuidados com a semeadura da cultura, dando preferência sempre para o uso de sementes de qualidade, com bons atributos fisiológicos, genéticos, físicos e sanitários.


Veja mais: Qual o impacto do vigor de sementes na produtividade da soja?


Definido o estande de plantas, é necessário adotar estratégias de manejo que possibilitem a boa sanidade da lavoura, e reduzam a interferência de agentes bióticos como pragas, doenças e plantas daninhas. Além disso, vale destacar que o planejamento da semeadura é fundamental para reduzir perdas produtivas em função da disponibilidade hídrica, devendo-se sempre, seguir as recomendações estabelecidas pelo Zoneamento Agrícola de Risco Climáticos.

Segundo Neumaier et al. (2020), fatores relacionados ao ambiente de produção, tais como altitude, temperatura e disponibilidade hídrica, afetam diretamente os componentes de produtividade da soja. Ainda que muitos componentes de produtividade já estejam pré-definidos pela genética da cultivar, diversos fatores podem afetar a produtividade da soja.

Contudo, é preciso compreender que a produtividade é composta por diferentes componentes, e que a alteração desses componentes pode afetar direta ou indiretamente a produtividade da soja.

Referências:

NEUMAIER, N. et al. ECOFISIOLOGIA DA SOJA. Embrapa Soja, Tecnologia de Produção de Soja, cap. 2, 2020. Disponível em: < https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/223209/1/SP-17-2020-online-1.pdf >, acesso em: 21/03/2024.

ZANON, A. J. et al. ECOFISIOLOGIDA DA SOJA: VISANDO ALTAS PRODUTIVIDADES. Santa Maria, ed. 1, 2018.

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares