InícioDestaqueDessecação da soja e as vantagens para a colheita

Dessecação da soja e as vantagens para a colheita

A dessecação pré-colheita da soja é uma das estratégias importantes utilizada pelos produtores rurais e consiste em aplicar herbicidas específicos para acelerar o processo de senescência das folhas.

A soja, por si só, entra em senescência mesmo que o produtor não interfira na dessecação. No entanto, a prática tem a vantagem de promover a uniformidade da lavoura e antecipação da colheita, o que permite semear a cultura da segunda safra mais cedo e, em muitos casos, evitar chuva na colheita.

A dessecação pré-colheita da soja também permite maior controle das plantas daninhas que permaneceram vivas durante a safra e que podem causar problemas na cultura seguinte.

Quando fazer

O momento ideal para a dessecação é no estádio R7.2, que é quando os grãos “desmamam” da planta. É aí que é muito importante considerar essa informação para evitar perdas na produtividade e contaminação dos grãos pelo dessecante.

Dicas

Recomendamos sempre utilizar produtos específicos para essa finalidade; caprichar na tecnologia de aplicação para se obter boa cobertura da calda; utilizar óleo mineral e respeitar o estádio fenológico correto para a dessecação.

Produtos dessecantes

Nesta safra de soja (2021/22), a disponibilidade de produtos para dessecação tem sido um dos grandes problemas enfrentados nas fazendas. Há uma limitação daqueles eficazes para essa modalidade, além de ser um dos que mais estão em falta no mercado, em razão de questões relacionadas à fabricação e importação.

As moléculas mais indicadas para a dessecação são diquat, glufosinato de amônio, carfentrazone, saflufenacil, flumioxazina, bem como a associação de algumas dessas moléculas.

Por vezes, alguns produtores nos procuram com dúvidas sobre utilizar outros herbicidas que não têm recomendação para essa modalidade de aplicação ou até mesmo soluções caseiras.

Orientamos que tais produtos não devem ser usados, pois podem translocar na planta e proporcionar riscos iminentes de afetar negativamente a qualidade de sementes, bem como deixar resíduos aos grãos.

Em situações em que não tenha produtos para dessecar a soja, recomendamos esperar a senescência natural da cultura a correr o risco de comprometer um lote inteiro de grãos.

Fonte: Fundação MT

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares