Terraceamento: prática antiga de conservação do solo controla erosão

Construídos entre as décadas de 1970 e 1990, como única técnica agrícola de conservação dos solos, os terraços foram, até então, desmontados porque dificultavam a operação das máquinas nas lavouras. Agora, uma nova metodologia da Epagri traz de volta essa prática, mais atualizada.

Confira a notícia na íntegra clicando aqui.


Eficiência de inseticidas no controle do percevejo-marrom (Euschistus heros) em soja, na safra 2018/2019: resultados sumarizados de ensaios cooperativos

Foto Percevejo – Marrom: Euschistus heros
Foto: Alessandro Tadeu.

Os percevejos atacam diretamente a vagem e o grão, causando perdas como aborto de vagens e grãos, atrofia de grãos, redução de massa, tamanho e teor de óleo dos grãos, redução de germinação e vigor das sementes, ocorrência de distúrbios fisiológicos na planta como o retardamento da maturação e menor produtividade da lavoura (Panizzi et al., 2012).

Estudar a eficiência de inseticidas registrados e em fase de registro para o controle do percevejo-marrom, Euschistus heros, em soja.

Confira o texto na íntegra clicando aqui.



Tecnologia de aplicação para o controle de adultos de Bemisia tabaci (Hemiptera: Aleyrodidae), na cultura da soja (Glycine max): Influência do horário de aplicação e taxa de aplicação.

Os primeiros surtos em soja foram detectados em janeiro de 1996, no norte do estado do Paraná e no município de pedrinhas no estado de São Paulo, provocando perdas de 30% a 80%. O controle da praga tem sido realizado, principalmente de inseticidas aplicados durante o ano todo (Prabhaker et al 1996, Toscano et al 2001). Entretanto, estudos já confirmam a resistência de B. tabaci a diversos grupos químicos de inseticidas. Dessa forma, esse estudo teve por objetivo avaliar o controle de adultos de B. tabaci, com diferentes horários de aplicação e volumes de calda.

Confira o trabalho na íntegra clicando aqui.


Efeito da aplicação e do uso de adjuvantes com o Inseticida dipel® no controle de Chrysodeixis includens (Lepidoptera noctuidae) em soja

O objetivo desse trabalho foi avaliar a tensão superficial por meio do goniômetro KRÜSS DSA25 pelo método da gota pendente e a eficiência do inseticida Dipel®, Bacillus thuringiensis, var. kurstaki, linhagem HD-1, quando aplicado na soja com e sem adjuvantes em diferentes horários do dia para o controle de Chrysodeixis includens (Walker, [1858]) (Lepidoptera: Noctuidae).

Confira o trabalho na íntegra clicando aqui.


GLIFOSATO: fatos e curiosidades sobre o herbicida mais popular do mundo

O herbicida glifosato é uma das principais armas dos produtores rurais contra as plantas daninhas, espécies de vegetais que competem por água, luz e nutrientes com as plantações importantes para a agricultura como a soja, o milho e o algodão.

Confira a notícia na íntegra clicando aqui.


Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.