Apesar da queda externa, os preços da soja seguiram firmes no mercado doméstico na última semana. Segundo pesquisadores do Cepea, o suporte veio da valorização de 1% do dólar frente ao Real e da elevação dos prêmios de exportação. De modo geral, os negócios estão lentos.

Pesquisadores do Cepea explicam que, enquanto vendedores seguem retraídos, à espera de cotações maiores, compradores acreditam que as desvalorizações externas serão repassadas ao Brasil. Além disso, agentes também estiveram atentos aos possíveis impactos para os preços e comercialização da edição da Medida Provisória nº 1.227 de 4 de junho de 2024, que promove restrições ao ressarcimento do PIS e Cofins.

Quanto às exportações brasileiras de soja, foram embarcadas 13,45 milhões de toneladas em maio, volume 8,4% menor que o de abril e 13,7% inferior ao de maio/23, segundo dados da Secex.

Fonte: Cepea



 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.