Na agricultura de precisão diferentes ferramentas permitem informações rápidas e com alto grau de qualidade. Ferramentas como a amostragem de solo por malha, Índice Vegetativo por Diferença Normalizada (NDVI) obtido por imagens de satélite, e uso de drones na agricultura são algumas das múltiplas operacionalidades deste campo que vem gerando muitos adeptos dentro da agricultura.

Os drones pelo seu peso, que segundo Primicerio et al. (2012) fica menos de 7 kg, possibilita que esse seja submetido a limitações mínimas do espaço aéreo, apresentando-se como sistema de sensoriamento remoto flexível, lhes permitindo usufruir de utilização de sensores como NDVI.  A amostragem de solo por malha amostral tem sido uma eficiente ferramenta para diferenciar atributos químicos do solo com isso gerando mapas que possibilitam aplicação de insumos à taxa variada.



Pensando em todos estes pilares da agricultura de precisão, que alia o momento certo, a forma certa e as condições certas para tomada de decisão, é que o grupo LAP SUL, desenvolve inúmeras pesquisas, a cerca de atestar a eficiências das ferramentas hoje disponíveis na agricultura de precisão e sua correlação com a realidade das situações. Para tal a seguir serão apresentadas uma série de estudos da área da agricultura digital desenvolvidos pela equipe coordenada pelo professor Antonio Luis Santi, da Universidade Federal de Santa Maria – Campus de Frederico Westphalen.

  • Em resumo publicado nos Anais da  33ª Jornada Acadêmica Integrada – JAI UFSM, de autoria de Fornari et. al : Avaliação dos teores de clorofila e o desenvolvimento da cultura da soja, por meio de clorofilometria e determinação de NDVI à campo sob diferentes doses de gesso agrícola, o que permitiu em inferir em curto espaço de tempo as condições da área experimental  com relação ao fornecimento de Enxofre (S) na forma de sulfato.
  • Em resumo publicado nos anais da  32ª Jornada Acadêmica Integrada – JAI UFSM, de autoria de Thiel et. al: Uso de drones, para obter imagens que possibilitem através da manipulação computacional acompanhar os níveis de clorofila ao longo do ciclo do trigo isso concomitante ao crescimento e desenvolvimento da cultura. Este trabalho pode servir como subsidio a criação de  protocolos através da média da resposta espectral da cultura que podem auxiliar na tomada de decisão dos manejos da cultura, como por exemplo, a aplicação nitrogenada de cobertura e avaliação estande de plantas.
  • Como parte do trabalho da dissertação de mestrado, publicado em Agricultura de Precisão no Rio Grande do Sul, Edition: CESPOL, pp.285-309, disponível para acesso aqui, o pesquisador Júnior Melo Damian utilizou-se da tecnologia de drones e sensor NDVI, e com eles avaliou a qualidade de uma lavoura submetida a plantio direto, partindo do pressuposto que a qualidade da cobertura de inverno, influencia na produtividade da cultura de verão. O estudo permitiu correlacionar as zonas de maior produção de soja, com  os maiores NDVI da cultura da aveia, demonstrando que a cultura anterior pode influências a sequente. Isso está demonstrado nos mapas da figura abaixo:

  • Em outro trabalho Damian et al. (Acesso disponível aqui) verificaram que a aveia preta influenciou no rendimento do grão de soja, enfatizando o fato da importância manejo da fertilidade da cultura antecessora em áreas cultivadas sob sistema plantio direto. Neste trabalho das propriedades químicas do solo sob avaliação, a matéria orgânica teve a maior influência no rendimento da soja.

Mais trabalhos do Lap Sul, leia também: Amostragem de solo georreferenciada e aplicação de insumos a taxa variável


Em nosso PALAVRA DO PESQUISADOR de hoje, a fala é do Professor coordenador do Lap Sul, Antonio Luis Santi.

NO COMMENTS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.