InícioDestaqueCapim-pé-de-galinha: resistências, como manejar?

Capim-pé-de-galinha: resistências, como manejar?

A competição entre plantas daninhas e cultivadas por recursos como água, radiação solar e nutrientes do solo, é considerada um dos principais, se não o principal responsável pela redução da produtividade de lavouras agrícolas infestadas, onde a matocompetição prevalece sobre a cultura cultiva.

Em soja, os danos variam em função da densidade populacional da planta daninha infestante e do estádio de desenvolvimento da soja, em que a matocompetição prejudica a cultura. Contudo, sabe-se que algumas plantas como o popularmente conhecido pé-de-galinha (Eleusine indica), apresentam uma incrível capacidade em matocompetir com a soja, sendo que, dependo da densidade populacional dessa planta daninha, perdas de produtividade superiores a 80% podem ser observadas na cultura (HRAC-BR, 2022). Quer saber mais sobre essa planta daninhas? Clique aqui.

O capim pé-de-galinha se destaca como planta invasora, apresentando grande habilidade competitiva e ótima adaptabilidade em diferentes ambientes de cultivo, sendo, portanto, uma das principais plantas daninhas a integrar o complexo de invasoras em culturas anuais. A planta apresenta ciclo curto, rápido crescimento e desenvolvimento, além de formar touceiras, o que dificulta ainda mais o controle químico dessa daninha.

Com o advento da soja RR (resistente ao herbicida glifosato), o manejo do capim pé-de-galinha passou a ser realizado principalmente com esse herbicida. O glifosato é considerado um herbicida de amplo espectro, sistêmico e pós-emergente, inibidor da enzima enol-piruvil-shiquimato-fosfato sintase, que possibilitava o bom controle de plantas daninhas na pós emergência da soja, sem prejudicar a cultura.



No Entanto, seu uso indiscriminado, resultou na seleção de biótipos resistentes do capim pé-de-galinha, deixando de garantir o controle eficiente dessa planta daninha. Da mesma forma, alguns graminicidas, inibidores da enzima acetil-coenzima-A Carboxilase, passaram a expressar baixa eficiência de controle do capim pé-de-galinha, em função da seleção dos biótipos resistentes.

Atualmente, a nível global, o capim pé-de-galinha está entre as 15 principais espécies de plantas daninhas, com resistência a mais mecanismos de ação de herbicidas, ocupando a quinta posição (Figura 1). A nível nacional, há relatos tanto de casos de resistência simples quanto múltipla do capim pé-de-galinha a herbicidas.

Figura 1. Resistência de espécies de planta daninhas por número de sítios de ação de herbicidas. Fonte: ©2023 WeedScience.org, Dr. Ian Heap (2023)

No primeiro caso, relatado em 2003, na cultura da soja, foi observada resistência do capim pé de galinha aos herbicidas cihalofop-butil, fenoxaprop-etila e setoxidim, ambos, herbicidas inibidores da ACCase. Já no Segundo caso, relatado em 2016, foi observada resistência do pé-de-galinha ao herbicida glifosato (inibidor da EPSPs). Por fim, no último caso relatado, em 2017, o capim pé-de-galinha apresentou resistência múltipla aos herbicidas inibidores da ACCase haloxifop-metil, fenoxaprop-etila, e ao glifosato (Heap, 2023). Mais informações, clique aqui.

Visando um manejo eficiente de plantas daninhas com o foco em capim-amargoso e capim-pé-de-galinha, o Mais Soja lançou, com o apoio da IHARA, o Missão Mato Zero, um programa que conta com uma série de vídeos com alguns dos mais renomados pesquisadores do país, podcasts e textos técnicos, com o objetivo de trazer a informação e auxiliar no manejo de plantas daninhas.

No nono vídeo da série o professor e pesquisador da ESALQ-USP, Rafael Pedroso, aborda o tema: Capim-pé-de-galinha: Resistências, como manejar? Trazendo valiosas dicas de como manejar essa complexa planta daninha e reduzir infestações em áreas agrícolas. Confira o vídeo abaixo:

Sobre a IHARA:

Há mais de 58 anos, a IHARA possui os melhores produtos para a proteção de cultivos, trabalhando lado a lado do agricultor.

Nossa história está enraizada no amor pelo campo! Nosso portfólio conta com produtos eficazes, como Acaricidas, Fungicidas, Herbicidas e Inseticidas, todos desenvolvidos com alta tecnologia e inovação.

Com mais de 80 produtos para mais de 100 culturas diferentes, nós temos as melhores soluções para as lavouras brasileiras e estamos trabalhando constantemente para manter nossa agricultura entre as maiores do planeta.

Agricultura é nossa vida e temos muito orgulho de estar neste solo. Confira nossa linha completa de produtos e aumente a produtividade de sua lavoura! Quer saber mais? Clique aqui.



Referências:

HEAP, I. Banco de dados internacional de ervas daninhas resistentes a herbicidas, 2023. Disponível em: < https://weedscience.org/Pages/Graphs/SpeciesBySOAcount.aspx >, acesso em: 22/12/2023.

HRAC-BR. Capim-pé-de-galinha: saiba mais sobre essa planta daninha. Comite de Ação à Resistência aos Herbicidas, 2022. Disponível em: < https://www.hrac-br.org/post/capim-p%C3%A9-de-galinha-saiba-mais-sobre-essa-planta-daninha >, acesso em: 22/12/2023.

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares