Surtos populacionais de percevejo-castanho (Scaptocoris castanea) têm se tornado cada vez mais frequentes nos cultivos de milho, inclusive em sistemas de produção que trabalham com a sucessão milho/soja. Seus danos são provocados por ninfas e adultos, que possuem hábito subterrâneo e fazem a sucção da seiva das raízes, causando atrofiamento das raízes e subdesenvolvimento das plantas (Figura 1). Em função da sua capacidade de prejudicar o estabelecimento da lavoura, retardar o seu desenvolvimento, reduzir o estande de plantas e, consequentemente, causar queda na produtividade, a possibilidade de ataque de pragas iniciais é um fator que precisa ser considerado para o planejamento de uma boa lavoura.

Figura 1. Ninfas e adultos de Scaptocoris castanea

Fonte: CRUZ, I. Confira a imagem original clicando aqui

Nos períodos do ano em que o solo se encontra com baixa umidade, os insetos se deslocam para as camadas mais profundas do solo, buscando sobreviver em um ambiente mais úmido. Posteriormente, retornam para as camadas superficiais do solo quando a umidade é retomada, o que coincide com o retorno dos períodos de chuva (de novembro a fevereiro). É nesta fase que ocorre a revoada e dispersão da praga para outras áreas. A fase de ninfa compreende cinco ínstares e dura de quatro a cinco meses, enquanto a fase adulta dura de cinco a sete meses; porém, ninfas e adultos do percevejo (Figura 2) atacam e causam danos nas lavouras durante todo este período.

Figura 2. Ciclo de Scaptocoris castanea

Fonte: BENTO, J. M. S. Confira a imagem original clicando aqui

Ainda existem poucas informações sobre o nível de dano econômico causado pelo percevejo-castanho. Porém, a densidade populacional de 25 a 40 percevejos por metro linear é considerada suficiente para causar perdas em lavouras, sendo que 200 a 300 percevejos por metro linear causam perdas de até 100% (dependendo da fase em que se encontra a lavoura).

Esta praga ataca de forma irregular, podendo fazê-lo em reboleiras com poucos metros de diâmetro até vários hectares. Os sintomas podem variar de acordo com a época em que ocorreu o ataque, indo do murchamento e amarelecimento das folhas até o subdesenvolvimento e secamento da planta. A presença de percevejo-castanho pode ficar evidente quando houver a existência de reboleiras com plantas mortas, amarelecidas e atrofiadas, ou ainda, pelo forte odor característico que a praga exala durante as revoadas ou no preparo do solo.

O monitoramento é parte fundamental do manejo integrado para percevejo-castanho. Variações de umidade no perfil do solo ao longo do ano afetam diretamente a dinâmica populacional, distribuição e mobilidade dos percevejos. Assim, amostragens para quantificação de população devem ser realizadas em diferentes profundidades, dependendo da época do ano, podendo ser necessário coletar amostras em até 1,5 m de profundidade. Pode-se realizar amostragem em covas de 30 x 30 x 50 cm (Figura 3).

Figura 3. Amostragem de solo com percevejo-castanho em café.

Fonte: FILHO, M. J. e MATIELLO, J. B. Confira a imagem original clicando aqui.

A rotação de culturas é outra premissa básica para o manejo de percevejo-castanho; porém, devido ao seu hábito polífago, o atual sistema de sucessão soja e milho safrinha, que se instalou no Brasil, não contribui para restringir o alimento da praga. É importante lembrar que além do milho, o milheto e o sorgo, que normalmente são usados na safrinha, também servem de alimento ao percevejo. Com disso, o mais recomendado é deixar a área em pousio.

A ocorrência de inimigos naturais no solo é naturalmente baixa. O uso de fungos entomopatogênicos como o Metarhizium anisopliae apresenta boa virulência em laboratório; porém, em condição de campo, a viabilidade pode decrescer devido às condições adversas, baixa seletividade de fungicidas e inseticidas para manejo de outros insetos e doenças.

O controle químico é a forma predominantemente utilizada, porém com eficiência limitada, uma vez que os produtos de ação sistêmica não se acumulam nas raízes, que é o órgão atacado pelos percevejos. De acordo com Agrofit, para a cultura do milho os princípios ingredientes ativos disponíveis são terbufós (organofosforado) e clorantraniliprole + tiametoxam (diamida + neonicotinoide), sendo o primeiro em forma de granulado e o segundo em suspensão concentrada, ambos para aplicação no sulco de semeadura.

Ademais, a tolerância varietal é uma linha de pesquisa ainda quase inexplorada para o percevejo-castanho. Mesmo sendo uma praga polífaga, existe a possibilidade de variedades de híbridos de milho não propiciarem o estabelecimento de sítio alimentar.

Considerações finais

O percevejo-castanho é uma praga que pode causar sérios prejuízos à lavoura de milho e, por conseqüência, afetar o sistema produtivo com sucessão milho/soja. Visto que os insetos permanecem em até 30 cm de profundidade do solo, a recomendação é utilizar inseticidas preventivos, em associação com outras táticas de manejo do MIP. Por fim, a aração com arado de aiveca é o método de controle físico que apresenta maior eficiência no controle do percevejo-castanho.

Elaboração do texto: Rael Adams, estudante do Curso de Agronomia na UFSM e membro do grupo Manejo e Genética de Pragas – UFSM

Revisão: Henrique Pozebon, Mestrando PPGAgro  e Prof. Jonas Arnemann, PhD. e Coordenador do Grupo de Manejo e Genética de Pragas – UFSM



REFERÊNCIAS

CASAGRANDE, L. 5 pragas do Milho: Saiba como defender sua lavoura! FARMBOX. Publicado em 17 de maio de 2019. Disponível em https://blog.farmbox.com.br/5-pragas-do-milho-saiba-como-defender-sua-lavoura/

FREITAS, R. L. G. Métodos de controle para percevejo-castanho. Blog Agronegócio em Foco. Atualizado em 12 de março de 2019. Disponível em http://www.pioneersementes.com.br/blog/86/metodos-de-controle-para-percevejo-castanho

MATIOLI, T. F. Todas as formas de controle para se livrar do percevejo-castanho. Lavoura 10. Publicado em 5 de julho de 2019. Disponível em https://blog.aegro.com.br/percevejo-castanho/

MIRANDA, J. E. Manejo do percevejo-castanho. Revista Cultivar. Disponível em https://www.grupocultivar.com.br/artigos/manejo-do-percevejo-castanho

Percevejo-castanho. Agrolink. Disponível em https://www.agrolink.com.br/problemas/percevejo-castanho_521.html

1 COMMENT

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.