InícioDestaqueReceitas de crédito de carbono podem gerar cerca de R$ 504,43 bilhões...

Receitas de crédito de carbono podem gerar cerca de R$ 504,43 bilhões ao Brasil até 2030

Receitas de crédito de carbono podem gerar US$ 100 bilhões (cerca de R$ 504,43 bilhões) ao Brasil até 2030, segundo estudo realizado pela ICC Brasil (Câmara de Comércio Internacional). O país tem potencial para suprir até 37,5% da demanda global do mercado voluntário de crédito de carbono e até 22% da demanda do mercado regulado pela ONU (Organização das Nações Unidas). No entanto, ainda há um caminho longo para que possamos aproveitar todas as oportunidades, uma vez que o Brasil não tem uma regulamentação própria. 

A Mata Nativa BR, consultoria ambiental fundada em 1997, reforça a importância de uma análise minuciosa ao avaliar a aptidão de uma área rural no Brasil para o desenvolvimento de projetos de crédito de carbono. Em um mundo que enfrenta desafios ambientais e sociais crescentes, a necessidade de tomar medidas proativas para mitigar as mudanças climáticas nunca foi tão premente.

A criação de projetos de crédito de carbono vai muito além da simples neutralização de emissões. É um compromisso com a preservação ambiental e a sustentabilidade, refletindo a visão de renomados líderes em proteção ambiental. Como disse o ambientalista David Attenborough: “Devemos lembrar que não herdamos a terra de nossos ancestrais, mas a tomamos emprestada de nossos filhos”. Neste caminho, “o planeta deve buscar incansavelmente deixar um legado positivo para as futuras gerações”, aponta José Augusto de Sousa Junior, CEO da Mata Nativa BR.

Ao avaliar a viabilidade de um projeto de crédito de carbono, a Mata Nativa BR considera diversos fatores críticos, incluindo a situação fundiária do imóvel rural, a pressão de desmatamento existente sobre a área, a urbanização, a presença de comunidades tradicionais e as terras indígenas nas proximidades. O objetivo é desenvolver projetos de Crédito de Carbono de excelência, que não apenas combatam as mudanças climáticas, mas também promovam o desenvolvimento sustentável e a manutenção e o desenvolvimento da biodiversidade, em todos os biomas nacionais.

“Estes projetos visam criar uma renda acessória para as propriedades rurais. Transformar a preservação das áreas florestais, que sempre foram vistas como despesa para os proprietários rurais, em uma fonte de renda, fomentando assim o investimento privado em programas sociais regionais”, expõe Sousa Junior.

“A Mata Nativa Br é, por exemplo, a desenvolvedora do Projeto REDD+ Conservação Florestal Tauari, no município de Tarauacá, no Acre. Trata-se de um dos principais exemplos de preservação ambiental privada na América Latina, realizado em parceria com a Fram Capital”, continua. 

Os trabalhos da empresa são impulsionados pela experiência de seu time técnico altamente qualificado. Com anos de expertise em consultoria ambiental e projetos de crédito de carbono, a equipe está preparada para enfrentar os desafios complexos da conservação ambiental, no desenvolvimento social e da mitigação das mudanças climáticas, sempre com um foco claro na preservação ambiental e na sustentabilidade.

Sobre a Mata Nativa Br:

A Mata Nativa BR é uma consultoria ambiental fundada em 1997, especializada em projetos de crédito de carbono e comprometida com a preservação ambiental e a sustentabilidade. A empresa é líder no desenvolvimento do Projeto Tauari, localizado no Acre, Brasil, e está empenhada em enfrentar os desafios das mudanças climáticas através de soluções inovadoras e orientadas para o meio ambiente. Com uma equipe técnica experiente, a Mata Nativa BR oferece consultoria de alta qualidade para clientes que buscam impactar positivamente o planeta.

Fonte: Assessoria de imprensa Mata Nativa BR



 

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares