InícioSem categoriaArroz-RS: Predomínio de dias ensolarados durante a semana favoreceu o avanço da...

Arroz-RS: Predomínio de dias ensolarados durante a semana favoreceu o avanço da semeadura

Houve avanço nos trabalhos de semeadura, aplicações de fertilizantes em cobertura e manejo de plantas daninhas. As chuvas pontuais não causaram maiores transtornos, e o predomínio de dias ensolarados favoreceu o desenvolvimento vegetativo das lavouras já estabelecidas.

Na região administrativa da Emater/RS-Ascar de Bagé, em São Borja, 95% da área está semeada. A conclusão do plantio nas áreas afetadas pela enchente dos rios deve ocorrer antes do final de dezembro, considerando a previsão do tempo para os próximos dias. As atividades de irrigação das lavouras continuam intensas, facilitadas pela condição de umidade elevada dos solos, como resultado de meses com grandes acumulados pluviométricos.

Na de Pelotas, com a semeadura finalizada, os produtores aproveitam os dias ensolarados para realizar tratos culturais. As lavouras encontram-se predominantemente em estágio de desenvolvimento vegetativo, considerado adequado para o período. O aumento da insolação e das temperaturas tem contribuído significativamente para esse desenvolvimento.

Na de Santa Maria, as áreas semeadas tiveram leve avanço, aproximando-se de 92% do total. Da área plantada, 98% estão em germinação e desenvolvimento vegetativo, e 2% encontram-se em floração. Apesar dos avanços, o plantio segue atrasado em comparação aos anos anteriores. Na última safra, neste mesmo período, o plantio já havia sido finalizado.

Na de Soledade, a área semeada alcançou 98%. As lavouras com plantio mais precoce e não afetadas pelas enchentes estão em tratos culturais; ocorreu aplicação preventiva de fungicidas como consequência do excesso de chuvas. Nos talhões submersos pelas enchentes, o replantio foi realizado, ou houve atraso no plantio em razão desse fator. Os produtores estão efetuando a adubação inicial e o controle de pragas, principalmente caramujo e minhoca vermelha, que apresentaram maiores incidências em função dos alagamentos.

Em relação a essas áreas afetadas pelas enchentes, prevê-se uma redução na produtividade, pois houve problemas no estabelecimento inicial e, consequentemente, impactos no perfilhamento, no florescimento e no enchimento de grãos, afetando a produção e a qualidade do produto final.

Comercialização (saca de 50 quilos)

De acordo com o levantamento semanal de preços realizado pela Emater/RS-Ascar no Estado, o produto apresentou aumento de 2,21%, passando de R$ 120,54 para R$ 123,20

Fonte: Emater/RS



 

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares