InícioDestaqueClassificação botânica das plantas daninhas: Família Commelinaceae

Classificação botânica das plantas daninhas: Família Commelinaceae

Saiba quais as principais espécies de plantas daninhas classificadas na Família Commelinaceae.

No texto de hoje vamos explorar a Família Commelinaceae, que possui importantes espécies de plantas daninhas.

As plantas daninhas da Família Commelinaceae tem distribuição pan-tropical.

Commelina benghalensis (trapoeraba).

Esta família está representada por 40 gêneros e 650 espécies. No Brasil, temos aproximadamente 60 espécies desta família, representando 13 gêneros.

Dois gêneros são mais representativos: Commelina e Tripogandra.

São plantas daninhas comuns em lavouras anuais e perenes.

Preferem solos argilosos, úmidos e sombreados.

São plantas que possuem o caule ereto ou prostrados, sucosos e com capacidade de enraizar ao longo dos nós, mesmo depois de cortadas. 

Capacidade de enraizar ao longo dos nós. Fonte: Natural medicine facts.

As folhas são simples, ovaladas a lanceoladas com bainha fechada.

A inflorescência é terminal e as flores possuem coloração rósea a lilacina e às vezes branca.

Flores de Commelina benghalensis. Fonte: nathistoc.

Os frutos são classificados como cápsulas deiscentes. 

A trapoeraba possui flores e frutos aéreos e subterrâneos, com produção de sementes viáveis na região das raízes, o que dificulta o controle.

Sementes de Commelina benghalensis. Fonte: Centro de Ciências Agrárias (UFSCar/CCA).

Lembrando que a trapoeraba é uma espécie de planta daninha considerada tolerante ao herbicida glyphosate, ou seja, a planta não morre mesmo que nunca tenha entrado em contato antes com o herbicida, é uma característica da espécie.

As principais espécies pertencentes a esta família são:

  • Commelina benghalensis (trapoeraba);
Fonte: Manual de Identificação de Plantas Infestantes.
  • Commelina communis (trapoeraba);
Fonte: Manual de Identificação de Plantas Infestantes.
  • Commelina diffusa (trapoeraba);
Fonte: Manual de Identificação de Plantas Infestantes.
  • Commelina erecta (trapoeraba);
Fonte: Manual de Identificação de Plantas Infestantes.
  • Tripogandra diuretica (trapoeraba);
Fonte: Manual de Identificação de Plantas Infestantes.

Casos de resistência a herbicidas na Família Commelinaceae

No Brasil não temos casos de biótipos de plantas daninhas resistentes nesta família.

No mundo temos apenas um relato da espécie Commelina diffusa resistente ao herbicida 2,4-D, no Hawaii.

Fonte: Heap (2019).

Conclusão

No texto de hoje vimos sobre as plantas daninhas pertencentes à Família Commelinaceae.

Entendemos melhor sobre as principais características das plantas daninhas e quais as principais espécies.

O conhecimento da biologia das espécies de plantas daninhas nos auxilia na tomada de decisão, somente identificando corretamente as espécies é que poderemos selecionar o melhor método de controle. 

No caso das plantas daninhas conhecidas por trapoerabas, temos que lembrar que são espécies classificadas como tolerantes ao herbicida glyphosate e, que além disso, o manejo é dificultado devido a reprodução desta espécie, com capacidade de produzir flores e frutos aéreos e subterrâneos.



Referências utilizadas neste texto:

Aspectos da biologia e manejo das plantas daninhas / organizado por Patrícia Andrea Monquero – São Carlos: RiMa Editora, 2014.

Manual de Identificação de Plantas Infestantes. Moreira e Bragança (2010). FMC.


Gostou do texto? Tem mais dicas sobre à Família Commelinaceae? Adoraria ver o seu comentário abaixo!

Sobre a Autora: Ana Ligia Girardeli é Engenheira Agrônoma formada na UFSCar. Mestra em Agricultura e Ambiente (UFSCar) e Doutora em Fitotecnia (USP/ESALQ). Atualmente está cursando MBA em Agronegócios.

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares