InícioDestaqueComercialização da safra de soja 2021/2022 no MS está próxima de atingir...

Comercialização da safra de soja 2021/2022 no MS está próxima de atingir 100%

Em setembro, a comercialização da safra de soja 2021/2022 atingiu 94% da produção, ao preço médio disponível de R$ 168,33/saca em Mato Grosso do Sul, conforme relatório de preço x comercialização, da Aprosoja/MS, divulgado nesta semana.

O início da comercialização ocorreu em fevereiro de 2021, com venda de 7% da produção, ao preço de R$ 151,06. De lá pra cá, o mês de março deste ano apresentou a maior movimentação em volume e valor, com comercialização real de 17%, ao preço recorde de R$ 189,31/saca. Depois, julho apresentou a segunda maior movimentação, com cerca de 11% de comercialização real, ao preço de R$171,55/saca.

Já a comercialização da safra 2022/2023, teve início em março deste ano, com 4,42% da produção vendida, com o maior preço observado até o momento de R$189,31/saca. O mês de outubro encerrou com 18% no acumulado de volume comercializado, ao preço médio de R$ 167,43/saca.

A comparação entre as safras, aponta para um atraso na comercialização do ciclo 22/23. O presidente da associação, André Dobashi, explica que “Esse cenário de atraso na operação de comercialização, ocorre em função da lentidão na venda antecipada dos grãos. Isso também é observado em nível nacional, e é justificado por questões mercadológicas, como a espera por números mais atrativos, uma vez que, os preços futuros do grão estão reduzidos”, finaliza.

Mais detalhes sobre o resumo podem ser obtidos no site da Aprosoja/MS, pelo acessando aqui.

Fonte: Aprosoja MS

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares