InícioDestaqueDesenvolvimento da cultura do milho: estádios x práticas de manejo

Desenvolvimento da cultura do milho: estádios x práticas de manejo

É imprescindível que o produtor entenda como ocorrem o crescimento e o desenvolvimento de sua lavoura para uma melhor e mais eficiente tomada de decisão em relação ao manejo, na cultura do milho, não é diferente.

Um produtor que compreende a planta de milho pode usar práticas de produção mais eficientemente para obter maiores produtividades e, consequentemente, maiores lucros. Cada planta desenvolve 20-21 folhas totais, floresce cerca de 65 dias após a emergência e atinge a maturidade fisiológica cerca de 125 dias após a emergência.

Figura 1: Estádios de desenvolvimento da cultura do milho.

Fonte: IPNI.
Fonte: IPNI.

Todas as plantas normais de milho seguem um mesmo padrão geral de desenvolvimento, mas os intervalos de tempo específicos entre os estádios e os números totais de folhas desenvolvidas podem variar entre diferentes híbridos, estações do ano, datas de plantio e locais. Por exemplo: um híbrido de maturação precoce pode desenvolver menos folhas ou passar pelos diferentes estádios mais rapidamente do que o indicado. Um híbrido de maturação tardia pode desenvolver mais folhas ou passar pelos diferentes estádios mais lentamente do que o indicado.

A taxa de desenvolvimento da planta para qualquer híbrido está diretamente relacionada com a temperatura, de tal forma que o período de tempo entre os diferentes estádios variará de acordo com as variações de temperatura, tanto dentro de uma safra quanto entre safras. Os estresses ambientais, tais como deficiências de nutrientes ou de umidade, podem dilatar o tempo entre os estádios vegetativos, porém encurtando o tempo entre os estádios reprodutivos.

O número de grãos que se desenvolvem, o tamanho final dos grãos, a taxa de incremento no peso dos grãos e a duração do período de crescimento reprodutivo variarão entre diferentes híbridos e condições ambientais. A familiaridade com os nomes e as localizações de certas partes da planta de milho é útil para compreender como a planta se desenvolve.

Pensando nisso, o Mais Soja irá trazer uma série de notas técnicas que mostram os estádios de desenvolvimento da cultura e as principais práticas de manejo que compõem cada estádio, para que assim o próprio agricultor consiga identificar em que fase do desenvolvimento o milho se encontra e o que deve ser preconizado no manejo para cada fase.

Acompanhe nosso site, siga nossas mídias sociais (SiteFacebookInstagramLinkedin) e fique por dentro dessa série que foi elaborada pensando em você!

Fonte das informações destacadas: IPNI.



Elaboração: Engenheira Agrônoma Andréia Procedi – Equipe Mais Soja.

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares