InícioDestaqueIMEA preve uma alta de 5,55% no custo de produção do milho...

IMEA preve uma alta de 5,55% no custo de produção do milho de alta tecnologia na safra 24/25 no MT

De acordo com a divulgação do USDA, a projeção de área a ser colhida de milho na safra 24/25 nos EUA é de 33,63 mi de ha, diminuição de 3,93% em comparação à safra 23/24. Essa redução deve ser pautada pela maior competitividade da soja ante o milho no próximo ciclo no país. Já a produtividade ficou projetada em 189,33 sc/ha, aumento de 2,04% ante o ciclo 23/24, devido às perspectivas de um clima favorável para o cultivo do milho no país.

Apesar da expectativa de um rendimento maior, a estimativa para a produção ainda é menor, com queda de 1,97% no mesmo comparativo, puxada pela diminuição da área. Do lado da demanda, o Departamento projeta alta anual nas exportações de 2,38%, com volume de 54,61 mi de t para a safra 24/25, impulsionada pelo crescimento do comércio global. Por fim, o estoque final de milho ficou estimado em 64,32 mi de t, 16,57% maior que na safra 23/24.

Confira os principais destaques do boletim:
  • RECUO: a paridade de exportação jul/24 exibiu declínio de 6,82% na última semana, devido à diminuição do preço do milho na CME-Group e do dólar.
  • DIMINUIÇÃO: pressionado pela estimativa de estoques finais maiores dos EUA na safra 24/25, o preço do milho na bolsa de Chicago reduziu 2,67% no comparativo semanal.
  • QUEDA: o preço do milho disponível apresentou retração de 2,42% em relação à semana passada e ficou cotado a R$ 38,06/sc.
O Imea divulgou a 1ª estimativa do custo de produção do milho alta tecnologia da safra 24/25.

Segundo o projeto Acapa-MT, o custeio da cultura ficou projetado em R$ 3.466,67/ha, alta de 5,55% ante a safra 23/24. Esse cenário foi pautado pela atualização dos painéis modais de custo de produção, nos quais foram observadas mudanças nas tecnologias utilizadas e no manejo, como a adição de aplicações com adjuvantes.

Além disso, o preço da semente de milho apresentou aumento, o que deixou o custo da semente 19,26% mais alto. Assim, o COE foi estimado em R$ 4.871,42/ha, adição de 8,74% ante o ciclo passado. Com isso, o ponto de equilíbrio (PE) para cobrir o COE da safra 24/25 ficou 8,74% maior que o da 23/24. Logo, para que o produtor consiga pagar o COE, colhendo 103,86/sc por hectare (referência da 23/24), é necessário que comercialize o seu milho a pelo menos R$ 46,90/sc.

Cenário desafiador para o produtor, já que a média do preço disponível na semana está
abaixo de R$ 40,00/sc.

Fonte: IMEA

Confira o boletim completo, clicando aqui.



 

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares