InícioDestaquePreços da soja devem subir no mercado interno, seguindo Chicago e dólar...

Preços da soja devem subir no mercado interno, seguindo Chicago e dólar acima de R$ 5,00

Os preços da soja tendem a reagir nesta quartas nas principais praças de negócios do país. Ainda que moderadamente, Chicago e dólar sobem. A moeda americana está acima dos R$ 5,00 e o cenário – com prêmios inalterados – pode se consolidar num momento de repique e garantir uma melhora na comercialização.

A terça-feira foi mais um dia de muita volatilidade no mercado. As melhores ofertas foram registradas pela manhã, quando Chicago e o dólar subiam. Os bons preços davam chance aos produtores.

Houve negócios limitados devido à reversão do mercado. As tradings reduziram suas ofertas e os negócios travaram. Os preços ficaram de estáveis a mais baixos.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos caiu de R$ 122,00 para R$ 119,00. Na região das Missões, a cotação diminuiu de R$ 121,00 para R$ 118,50 a saca. No Porto de Rio Grande, o preço foi de R$ 128,00 para R$ 126,00 a saca.

Em Cascavel, no Paraná, a saca desvalorizou de R$ 118,00 para R$ 116,00. No porto de Paranaguá (PR), o preço decresceu de R$ 126,00 para R$ 124,00.

Em Rondonópolis (MT), a saca seguiu em R$ 113,00. Em Dourados (MS), o preço estabilizou em R$ 111,00 a saca. Já em Rio Verde (GO), a saca caiu de R$ 111,00 para R$ 110,00.

CHICAGO

* Os contratos com vencimento em maio registram alta de 0,19% a US$ 11,76 1/4 por bushel.

* O mercado buscou suporte em fatores técnicos, avaliando também a fraqueza do dólar frente a outras moedas e os ganhos do petróleo.

* O cenário fundamental, contudo, limita ganhos mais expressivos, em meio à perspectiva de que os Estados Unidos possam elevar a área cultivada com a oleaginosa, reduzindo o plantio de milho.

* O avanço da oferta na América do Sul, com as colheitas no Brasil e Argentina, também impede maiores altas nas cotações.

PRÊMIOS

* A queda dos contratos futuros ontem na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) determinaram recuo nos preços FOB da soja nos portos brasileiros. Os prêmios seguiram estáveis, mas a atividade melhorou de ritmo, com negócios reportados para maio de 2024 e fevereiro de 2025.

* Os prêmios de exportação da soja para abril estavam em -40 e -15 centavos de dólar sobre Chicago no final da terça no Porto de Paranaguá. Para maio de 2024, o prêmio era de -30 a -15. Para junho de 2024, o prêmio estava em -20 a -5 pontos, conforme dados de Safras & Mercado.

* O preço FOB (flat price) para maio ficou entre US$ 425,40 e US$ 430,90 a tonelada na terça. No dia anterior, a cotação oscilou entre R$ 429,70 e R$ 435,20.

CÂMBIO

* O dólar comercial opera com alta de 0,36%, cotado a R$ 5,0783. O dollar index (DXY) recua 0,11% a 104,70 pontos.

INDICADORES FINANCEIROS

* As principais bolsas da Ásia fecharam em baixa. Xangai,-0,18%. Em Tóquio, -0,97%

* As principais bolsas na Europa operam mistas. Paris, +0,08%; Frankfurt, +0,12% e Londres, -0,40%.

* O petróleo registra cotações em alta. O WTI para maio sobe 0,65% a US$ 85,70 o barril.

AGENDA

– EUA: A posição dos estoques de petróleo até sexta-feira da semana passada será publicada às 11h30 pelo Departamento de Energia (DoE).

– O Ministério do Desenvolvimento, da Indústria. do Comércio e Serviços divulga, às 15h, a balança comercial parcial de março.

– O Ministério do Trabalho divulga o Caged de fevereiro.

Quinta-feira (4/04)

– Eurozona: A leitura do índice de preços ao produtor de fevereiro será publicada às 6h pelo Eurostat.

– Eurozona: A ata da reunião do BCE dos dias 6 e 7 de março será publicada às 8h30 pelo BCE.

– EUA: A balança comercial de fevereiro será publicada às 9h30 pelo Departamento do Comércio.

– Exportações semanais de grãos dos EUA – USDA, 9h30.

– Dados de desenvolvimento das lavouras argentinas – Bolsa de Cereais de Buenos Aires, 15hs.

– A balança comercial fechada de março será divulgada, às 15h, pelo Ministério da Indústria, Comércio e Turismo.

– Relatório de condições das lavouras da Argentina – Ministério da Agricultura, na parte da tarde.

– Dados sobre o desenvolvimento das lavouras no RS – Emater, na parte da tarde.

Sexta-feira (5/04)

– A FGV divulga, às 8h, o IGP-DI de março.

– EUA: O número de empregos criados ou perdidos pela economia (payroll) e a taxa de desemprego referentes a março serão publicados às 9h30 pelo Departamento do Trabalho.

– Dados de evolução das lavouras do Mato Grosso – IMEA, 16h.

Autor/Fonte: Dylan Della Pasqua / Agência SAFRAS



 

FONTE

Autor:Dylan Della Pasqua / Agência SAFRAS

Site: Safras & Mercado

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares