A semente de soja foi destaque durante entrevista no quadro “Aqui o agro faz sucesso”, com José Luiz Tejon, no programa – Dia dia Rural – do canal Terraviva. Nesta terça-feira (15.09) Luciano Vacari, diretor executivo da Associação Brasileira de Produtores de Sementes de Soja – ABRASS –, enfatizou que o segredo deste sucesso da cadeia produtiva é a semente como base da tecnologia do agro nacional e do mundo.

“A semente é o principal drive disso tudo, é quem carrega toda tecnologia e toda produtividade. Os produtores hoje tem um aliado que é o produtor de sementes de soja, afinal é ele quem oferece toda essa tecnologia para que os produtores possam usufruir disso e obter o melhor de cada safra”, afirmou o executivo.

Questionado sobre o papel da associação neste processo de êxito da sojicultora, Luciano destacou que os associados, presentes em 11 estados brasileiros, são multiplicadores de sementes de soja responsáveis por levar esta semente de alta performance e qualidade ao mercado.

“Somos multiplicadores de sementes, somos multiplicadores da tecnologia. Os nossos associados representam aproximadamente 65% da produção de sementes de soja certificada do país. Isso mostra o tamanho da nossa responsabilidade, porque sabemos que a semente é o principal insumo de uma safra”, apontou o diretor executivo da ABRASS.

Acrescentou que os bons resultados das últimas safras no Brasil são proporcionados pela parceria entre os multiplicadores de sementes de soja e os produtores de soja. Que somando a inovação e pesquisa com o trabalho no campo, aplicados com modernidade e padrões de qualidade conseguem superar as próprias expectativas do setor.

“Os bons resultados obtidos nos últimos anos no Brasil com grandes safras, são fruto do trabalho de alto padrão no campo adotado pelos produtores, das boas praticas de produção, do uso da tecnologia, de maquinários cada vez mais modernos. Sem uma grande semente e o desempenho do produtor na lavoura nada disso estaria existindo” enfatizou Vacari.

Diante da safra de grãos de 2019/20 que deve alcançar recorde histórico de 257,8 milhões de toneladas, liderada pela soja, pelo milho e algodão. Informação que faz parte do 12º Levantamento de Grãos, divulgado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Luciano falou sobre a venda e o abastecimento de sementes aos produtores de soja.

“Em algumas semanas a safra brasileira será colocada no chão e nós temos monitorado, tem andado bem a contento, as entregas de sementes estão acontecendo dentro da normalidade. E assim, como a Conab estimou, acreditamos que será uma grande safra de grãos para o Brasil” finalizou Luciano Vacari.

ABRASS

A Associação Brasileira dos Produtores de Sementes de Soja foi fundada em 2012 com o objetivo de congregar em uma entidade de classe os multiplicadores de sementes de soja de todo o Brasil. Criando um ambiente institucional e multidisciplinar para fortalecer a produção, valorizar a atividade e seu produto final, revertendo benefícios para toda a cadeia produtiva da soja.

A ABRASS tem sede em Brasília/DF e atua em prol das boas práticas na produção de sementes de soja, na regulamentação jurídica, nos marcos legais, na difusão de produtos que levem competitividade ao agricultor, no aperfeiçoamento de instrumentos de políticas públicas e de outras frentes de desenvolvimento da cadeia produtiva.

O maior patrimônio da ABRASS reside em seu corpo de associados, distribuídos por 11 estados e no Distrito Federal, representando mais de 65% da produção de sementes de soja do país.

Fonte: Associação Brasileira dos Produtores de Semente – Abrass

Foto de capa: Divulgação Abrass

Texto originalmente publicado em:
Associação Brasileira dos Produtores de Semente - Abrass
Autor: Nátalie Luna - Assessoria ABRASS

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.