InícioDestaqueCiclo do percevejo-marrom em soja

Ciclo do percevejo-marrom em soja

O percevejo-marrom (Euschistus heros) é um inseto-praga sugador e tem a soja como seu principal hospedeiro. Devido ao seu hábito alimentar, apresenta enorme potencial de causar prejuízos na cultura uma vez que, ao sugar diretamente os grãos, reduz a produção e qualidade das sementes.

Durante seu ciclo biológico, os percevejos passam pelas fases de ovo, ninfa (composta de cinco ínstares) e adulto. As fêmeas depositam seus ovos em fileiras nas folhas e vagens da soja, normalmente em pequenos grupos com 6 a 15 ovos. No início, os ovos são de cor amarela, mas próxima à eclosão das ninfas adquirem coloração rosácea (NOGUEIRA, 2018).

Figura 1: Ovos de E. heros com coloração amarela.

Foto: J. J. da Silva.

Figura 2: Ovos com coloração rosácea, próximos à eclosão das ninfas.

Fonte: NOGUEIRA, K. O. 2018.

As ninfas recém-eclodidas têm o corpo alaranjado e a cabeça preta, medem cerca de 1,3 mm e permanecem sobre os ovos até atingir o segundo ínstar. As ninfas do terceiro ao quinto ínstar apresentam coloração variando de cinza a marrom. Entretanto, só a partir do terceiro ínstar (tamanho médio de 3,63 mm) as ninfas do percevejo-marrom se tornam mais ativas e iniciam a dispersão, causando danos aos grãos da soja (PANIZZI et al., 2012). O adulto é marrom escuro, mede de 11 a 15mm de comprimento e apresenta prolongamentos laterais no pronoto, facilitando sua identificação. A duração total do ciclo de vida do percevejo marrom é de aproximadamente 114 dias.



Figura 3: Ninfas de terceiro, quarto e quinto ínstar de E. heros.

Fonte: A. Carneiro.

Figura 4: Ciclo de desenvolvimento do percevejo-marrom, E. heros.

Fonte: CIVIDANES, 1992.

Os insetos iniciam a colonização na soja no final do período vegetativo ou logo após a floração. Quando ocorre o aparecimento dos legumes (vagens), inicia-se a reprodução dos percevejos e o surgimento de ninfas na lavoura. A partir do desenvolvimento dos legumes e início de enchimento dos grãos, quando a cultura é mais suscetível ao ataque, a população tende a aumentar. Seu crescimento vai até o final do enchimento de grãos, quando atinge o pico populacional máximo, e depois tende a decrescer (CORREA-FERREIRA et al., 1999).

Além disso, os percevejos que estavam em plantas hospedeiras alternativas migram para a soja, contribuindo para esse aumento populacional. Portanto, percebe-se a importância do conhecimento do ciclo do percevejo-marrom a fim de que seja possível o correto manejo de controle. A praga é de importância nacional e implica severos danos à cultura da soja, causando grandes prejuízos aos produtores e à economia do país.

Redação: Lauren Brondani Castilhos. 

Revisão: Henrique Pozebon e Jonas Arnemann

Referências:

CIVIDANES, F.J. Determinação das exigências térmicas de Nezaraviridula (L., 1758), Piezodorusguildinii (West., 1837) e Euschistusheros (Fabr., 1798) (Heteroptera: Pentatomidae) visando ao seu zoneamento ecológico. 1992. 100 f. Tese (Doutorado em Ciências) – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” – USP, Piracicaba, 1992.

CORREA-FERREIRA, BEATRIZ S.; PANIZZI, ANTÔNIO R. Percevejos da soja e seu manejo. Embrapa Soja-Circular Técnica, n. 24, (INFOTECA-E), 1999. Disponível em: < https://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Repositorio/circTec24_000g4vbbaaq02wx5ok0dkla0s1m9l51b.pdf >, acesso em: 09/11/2020.

NOGUEIRA, Kamila de Oliveira; BELLIZZI, Nilton Cezar. MANEJO DO PERCEVEJO MARROM (Euschistusheros) NA CULTURA DA SOJA. 2018. Disponível em: <http://aprender.posse.ueg.br:8081/jspui/bitstream/123456789/213/1/MANEJO%20DO%20PERCEVEJO%20MARROM%20%28Euschistus%20heros%29%20NA%20CULTURA%20DA%20SOJA.pdf>, acesso em: 09/11/2020.

PANIZZI, Antônio Ricardo; BUENO, A. de F.; SILVA, FAC da. Insetos que atacam vagens e grãos. Soja: manejo integrado de insetos e outros artrópodes-praga. Brasília: Embrapa, p. 335-420, 2012. Disponível em: <http://www.cnpso.embrapa.br/artropodes/Capitulo5.pdf>, acesso em: 09/11/2020.

SCOPEL, Wanessa et al. Danos do percevejo marrom Euschistusheros (F.)(Hemiptera: Pentatomidae) em soja. 2012. Universidade de Passo Fundo, Dissertação de Mestrada. Disponível em: < http://tede.upf.br/jspui/bitstream/tede/523/1/2012Wanessa_Scopel.pdf >, acesso em: 09/11/2020.

SILVA, Valvenarg Pereira da et al. Monitoramento do percevejo marrom Euschistusheros (Hemiptera: Pentatomidae) por feromônio sexual em lavoura de soja. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 49, n. 11, p. 844-852, 2014.


Acompanhe nosso site, siga nossas mídias sociais (SiteFacebookInstagramLinkedinCanal no YouTube


Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares