O mercado brasileiro de soja deve iniciar a semana sem grandes alterações. Os negócios tendem a ser pontuais e os preços deverão ter comportamento regionalizado. Com o dólar recuando e Chicago apenas em leve alta, o produtor mantém a cautela.

Com dólar recuando e Chicago subindo, a sexta não trouxe alterações no mercado. O dia foi de preços regionalizados e poucos negócios, com os agentes cautelosos.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos caiu de R$ 195,00 para R$ 194,50. Na região das Missões, a cotação seguiu em R$ 194,00. No Porto de Rio Grande, o preço baixou de R$ 198,00 para R$ 197,50.

Em Cascavel, no Paraná, o preço recuou de R$ 190,00 para R4 189,00 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca passou de R$ 196,50 para R$ 195,50.

Em Rondonópolis (MT), a saca avançou de R$ 177,00 para R$ 178,00. Em Dourados (MS), a cotação subiu de R$ 181,00 para R$ 182,00. Em Rio Verde (GO), a saca caiu de R$ 175,00 para R$ 174,50.

Chicago 

Os contratos com vencimento em julho registram alta de 0,13% a US$ 17,07 1/2 por bushel.

A oleaginosa é sustentada pela queda do dólar frente a outras moedas, que aumenta a competitividade norte-americana no cenário exportador, e pela elevação de 1% do petróleo em Nova York.

Prêmios

Os prêmios de exportação da soja estavam em 140 a 145 pontos acima de Chicago no final da sexta no Porto de Paranaguá, para junho. Para julho, o prêmio era de 156 a 160 acima. Para agosto, o prêmio estava em 215 a 230 pontos acima, conforme dados de SAFRAS & Mercado.

O preço FOB exportação para junho em Paranaguá oscilou entre US$ 678,00 e US$ 679,90 por tonelada, subindo frente ao dia anterior – US$ 673,30 e US$ 675,50.

Os preços FOB subiram na sexta nos portos brasileiros, acompanhando os bons ganhos no mercado futuro de Chicago. Os prêmios seguiram estabilizados em dia de atividade moderada, devido à falta de negócios no mercado físico.

Câmbio 

O dólar comercial registra baixa de 0,51% a R$ 4,842. O Dollar Index registra baixa de 0,9% a 102,23 pontos.

Indicadores financeiros 

  • As principais bolsas da Ásia encerraram mistas. Xangai, +0,01%; Tóquio, +0,98%.
  • As principais bolsas na Europa registram índices mais altos. Londres, +1,07% Paris, +0,33% e Frankfurt, +0,74%.
  • O petróleo opera em alta. Julho do WTI em NY: US$ 111,07 o barril (+0,72%).

Fonte: Agência SAFRAS

Texto originalmente publicado em:
Safras e Mercados
Autor: Dylan Della Pasqua - Agência SAFRAS

Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.