InícioDestaqueSoja fechou a segunda em baixa com fraca demanda pelo grão americano

Soja fechou a segunda em baixa com fraca demanda pelo grão americano

FECHAMENTOS DO DIA 08/07

O contrato de soja para julho24, referência para a safra brasileira, fechou em baixa de -1,20%, ou $ -14,25 cents/bushel a $ 1174,25; A cotação de setembro24, fechou em baixa de -1,48 % ou $ -17,25 cents/bushel a $ 1149,00. O contrato de farelo de soja para agosto fechou em baixa de -2,03 % ou $ -7,2 ton curta a $ 350,0 e o contrato de óleo de soja para agosto fechou em baixa de -0,93 % ou $ -0,46/libra-peso a $ 49,09.

ANÁLISE DA BAIXA

A soja negociada em Chicago fechou em baixa nesta segunda-feira. As cotações fecharam em forte queda neste começo de semana, chegando a quase bater o limite diário de baixa para os vencimentos entre setembro24 e março25.

As chuvas registradas, este final de semana, voltaram a afastar o receio de déficit hídrico para as lavouras de soja. O forte ritmo de vendas da soja brasileira contrasta com os fracos números das inspeções para embarques de exportação nos EUA. O USDA informou uma redução de -14,54% no ritmo dos embarques americanos.

Os dois subprodutos também fecharam em queda nesta segunda-feira, com realização de lucro por parte dos Fundos. O óleo de soja foi o grande fator de alta na semana passada para a soja grão.

NOTÍCIAS IMPORTANTES
BRASIL-VENDAS DE SOJA DOS AGRICULTORES ATINGIU 4,5 MT NA SEMANA PASSADA

O maior volume da temporada, 50% de safra velha e 50% de safra nova. Fontes do setor também estimam que a China teria comprado entre 50-55 cargos na semana passada, para agosto 24, março e abril de 25.

EUA-TEMPESTADE TROPICAL À VISTA

boas chuvas durante o fim de semana em áreas do Centro-Oeste, às quais se somará agora a umidade proporcionada pela tempestade tropical Beryl, que se deslocará pela região do Golfo, do Texas, a Illinois e Indiana entre terça e quarta-feira, deixando chuvas e tempestades por toda parte a região em seu rastro.

EUA-UMIDADE DO SOLO PRESSIONA O MERCADO

A umidade é o que influencia o mercado hoje, pois favorece o desenvolvimento das lavouras. Depois será necessário avaliar se essa umidade chega como simples chuva ou se vem acompanhada de eventos como granizo ou ventos muito fortes, capazes de causar danos às plantas.

EXPORTAÇÕES SEMANAIS MENORES

No seu relatório semanal de fiscalização dos embarques norte-americanos, desta vez de 28 de junho a 4 de julho, o USDA informou hoje embarques de soja de 273.321 toneladas, abaixo das 319.828 toneladas do relatório anterior, mas dentro da faixa esperada pelos operadores, entre 200 mil e 400.000 toneladas.

EUA-SITUAÇÃO DAS LAVOURAS DE SOJA

O USDA informou no final da tarde dessa segunda-feira que a soja florescendo está em 34%, ante 20% da semana passada, 35% no ano passado e acima dos 28% na média histórica. Além disso, 9% já apresentam vagens, ante 3% da semana passada, 8% do ano anterior e 5% da média histórica. Quantos as condições das lavouras dos 18 estados listados houve uma leve melhora no quadro geral.

A soja manteve em 8% as condições pobres ou muito pobres, ante 15% do mesmo período do ano passado. Caiu para 24% em condições razoáveis, ante os 25% da semana passada e 34% do ano anterior. Já a soja em boas ou excelentes condições está em 68%, ante 67% da semana passada e acima dos 51% do ano passado.

Fonte: T&F Agroeconômica



Acompanhe nosso site, siga nossas mídias sociais (SiteFacebookInstagramLinkedinCanal no YouTube)


 

Equipe Mais Soja
Equipe Mais Soja
A equipe editorial do portal Mais Soja é formada por profissionais do Agronegócio que se dedicam diariamente a buscar as melhores informações e em gerar conteúdo técnico profissional de qualidade.
Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Populares