A nova elevação de 1,12% na cotação da soja em Chicago, mais a pequena alta dos prêmios suplantaram a queda de 0,42% do dólar no Brasil, nesta terça-feira, permitindo que os preços médios oferecidos pelas Tradings nos portos brasileiros avançassem 0,56% para R$ 84,59/saca no mercado spot (chegou novamente a R$ 86,00 para os meses mais próximos). Com isto, os ganhos da exportação em agosto avançaram para 9,44%.

No mercado interno os preços médios oferecidos pelas indústrias esmagadoras avançaram 0,76% para R$ 78,30/saca, elevando os ganhos do mês para 8,22%. A China comprou mais 4 cargos (aproximadamente 240 mil toneladas) nesta terça-feira, 2 deles no Brasil e 2 na Argentina.

Pelas contas da T&F os agricultores brasileiros venderam hoje mais 230 mil toneladas para as Tradings (que depois as revenderão no mercado internacional). O mercado de Paper de Paranaguá negociou Setembro +131U e +132U. Depois do pregão, o mercado se enfraqueceu.

No mercado CIF portos da China os prêmios recuaram 10 cents/bushel para o mês de setembro para a soja brasileira para +215X e 1 cent/bushel para +227X para outubro. Soja argentina e soja americana não foram cotadas CIF.

Em Rotterdam, o principal porto não-China de demanda de soja e subprodutos, a soja-grão foi negociada a US$ 372,80 (372,70) para novembro, o pellets de soja foi negociado a US$ 360,00 (360,00) t afloat.

Os preços de alguns óleos vegetais, para o primeiro mês cotado, o óleo de canola foi negociado em Rotterdam a US$ 858,47 (856,90) t, o óleo de linhaça, a US$ 772,50 (775,00), o de soja a US$ 810,41 (807,55), o óleo de girassol a US$ 770,00 (770,00), o óleo de palma a US$ 547,50(545,00).

Fonte: T&F Agroeconômica

Fonte: T&F Agroeconômica


Nenhum comentário

Deixar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.